• Menu
  • Menu
Estribo Hotel Estância

Estribo Hotel Estância: 4 dias em um paraíso gaúcho

Após quase 90 dias de quarentena, trabalhando de casa e sobrevivendo com poucas habilidades culinárias e muita tele-entrega, nos demos um presente no feriado de Corpus Christi: 4 dias no Estribo Hotel Estância em Santo Antônio da Patrulha (RS). Sigo eles há muito tempo no Instagram e passar uns dias lá era um sonho.

Hotel rústico, sofisticado e sem frescura

O Estribo é um hotel rústico e ao mesmo tempo sofisticado. Nos sentimos muito à vontade, principalmente pela cordialidade da equipe e pelo ambiente muito bonito e sem “frescura”.

Além disso, tem o nível certo de atividades e entretenimento, sem forçar uma convivência entre os hóspedes, dando a oportunidade e o espaço para cada um curtir o momento como preferir.

Nosso pacote era de 4 noites, de quarta a domingo. Saímos tarde de Porto Alegre, que fica a 91 km (1h 30 min) do hotel, e chegamos lá quase meia-noite. Na chegada, tem mais 5km de estrada de chão e, mesmo com chuva forte, chegamos sem perrengue.

Ficamos em um Apartamento Nativo, a segunda categoria do hotel. O quarto é enorme (46m2) e tem uma cama king e uma de solteiro, que pode ser convertido em 3 camas de solteiro. A decoração segue o estilo do hotel, rústico sofisticado, e o quarto é muito bem equipado.

Destaque para a lareira, que usamos bastante, e o secador de cabelos, que raramente é bom em hotéis e o deles é ótimo. A cama e os travesseiros são uma delícia, porém o edredom é muito quente e não tem uma alternativa mais leve (sentimos falta da nossa manta de microfibra).

O quarto tem uma varanda com duas cadeiras e opção de colocar uma rede. Nossa varanda era virada para a piscina, o Bolicho (bar da piscina) e o estacionamento de bicicletas (de todos os tamanhos e ficam sempre à disposição dos hóspedes).

Vista da varanda do Quarto

A parte boa era a proximidade com o restaurante e as principais áreas do hotel, mas confesso que o barulho das pessoas utilizando essas áreas incomodou um pouco. Para quem quer ainda mais tranquilidade, recomendo os Apartamentos Nativos a partir do nº 13, pois ficam mais isolados.

Importante dizer que a piscina só funciona a partir de Novembro, pois não é aquecida. E mesmo que faça um calor fora de época, que foi o caso da sexta-feira 12/6, a piscina fica vazia e, portanto, não pode ser utilizada (dica de quem levou maiô e estava animada para dar um mergulho).

Existem mais 3 opções de hospedagem: Apartamento Crioulo, Suítes Origens e Suítes Campeiras. O site do hotel tem descrições e fotos confiáveis e didáticas, pode confiar.

As refeições no Estribo Hotel Estância são um show à parte

Nossa hospedagem era com pensão completa e as refeições foram um ponto alto do feriado. O restaurante tem uma varanda com uma vista incrível para o vale, recomendo um aperitivo lá antes das refeições.

Varanda do quarto no Estribo Hotel Estância
Foto: Luana Borges

O café da manhã é uma delícia, super completo e na medida certa. Tem frutas, pães, frios, um tipo de bolo e de salgado, ovos mexidos com bacon, café, leite e ainda podemos pedir iogurtes, panquecas, waffles e torradas (misto quente) extras. E tudo pode ser repetido à vontade, uma perdição.

O almoço tinha um cardápio fixo para todo o feriado, com 5 opções para cada etapa (entrada, massa/risoto, carne e sobremesa) e o desafio é não repetir os preferidos e conseguir experimentar de tudo. Minha combinação preferida foi: folhas verdes com queijo brie, favo de mel e morangos, nhoque com nata e sálvia, bife capitão de cordeiro e torta de limão com frutas vermelhas. Mas, confesso que não foi fácil escolher.

Pratos de almoço no Estribo Hotel Estância
Foto: Luana Borges

O jantar foi diferente todos os dias, sempre com couvert, entrada, prato principal e sobremesa. Tivemos salmão assado no infiernillo fogo de chão, sequência de fondue no dia dos namorados, costelão assado no fogo de chão, todos com acompanhamentos fantásticos e sugestões de vinho para harmonizar (as bebidas são pagas à parte). Aliás, o processo de assar o costelão em fogo de chão, que dura quase 12 horas, pode ser acompanhado pelos hóspedes na tarde de sábado.

Todas as refeições têm opção de cardápio kids também. Como você pôde perceber pela minha descrição, todas têm a carne como destaque, então caso você seja vegetariano ou vegano, sugiro entender quais seriam as opções de substituição antes da hospedagem.

Costelão assando para os hóspedes do Estribo Hotel Estância
Foto: Luana Borges

Ar puro e muitas atividades ao ar livre

Outro ponto alto da hospedagem no Estribo Hotel Estância é o contato com a natureza. O hotel está localizado num vale lindíssimo chamado Canto dos Guilhermes em Santo Antônio da Patrulha.

Lá, pudemos ver e ouvir muitos pássaros, principalmente quero-queros, ave típica do Rio Grande do Sul. O hotel tem uma mini fazenda com galos, galinhas, coelhos, pavões, ovelhas e bodes, que as crianças podem alimentar em uma das atividades de recreação.

Podem também pescar, ordenhar vacas, andar a cavalo e conhecer mais sobre Falcoaria, numa parceria com a REBIO (Reserva Ambiental), que leva algumas aves de rapina para uma experiência muito legal com os hóspedes. Aliás, não são só as crianças que curtem tudo isso aí, nós adoramos também.

Além disso, é possível fazer duas trilhas, com graus de dificuldade diferentes, praticar yoga no campo (atividade extra que custa R$ 30 por pessoa), conhecer o CT Guto Freire (centro de treinamento de cavalos crioulos), alugar bicicletas retrô elétricas (R$ 25 por hora), andar de carrinho de lomba, jogar futebol na quadra ou no campo e colher frutas direto do pé no pomar.

As cavalgadas podem acontecer durante o dia (R$ 50 por pessoa e duração de 1 hora) ou em uma aventura noturna quando a lua está cheia e o céu estrelado (R$ 70 por pessoa e duração de aproximadamente 2 horas).

Programação de atividades do Estribo Hotel Estância
Foto: Luana Borges

Cultura gaúcha em cada momento

A hospedagem no Estribo Hotel Estância é uma imersão na cultura gaúcha. A decoração, a música, a gastronomia, o sotaque e todo o ambiente exalam a cultura e a história do nosso estado. É um convite para quem é de fora conhecer mais sobre esse estado tão orgulhoso dos seus costumes e um lugar para aproximar o próprio gaúcho das suas raízes.

Em muitos momentos me fez lembrar da infância, quando andava a cavalo na casa do meu tio, ou quando ia para o interior na casa da minha vó. Senti os mesmos cheiros, ouvi os mesmos pássaros, tirei os mesmos “pega-pega” das calças e vi a mesma tranquilidade da vida que passa mais devagar no campo.

Hospedagem em tempos de pandemia

Durante a pandemia, a máscara é obrigatória no Estribo Hotel Estância

Como comentei no início, estamos no meio de uma pandemia e buscando distanciamento social com a quarentena. Nossa escolha pelo Estribo Hotel Estância levou em conta os cuidados que eles estão tomando e algumas características do lugar.

O hotel não estava 100% lotado, o uso de máscara era obrigatório nas áreas comuns, tinha muito álcool gel disponível para os hóspedes, o restaurante tinha mesas fixas por quarto, para reduzir a circulação, e elas estavam bem afastadas uma da outra.

Além disso, o fato de ter muito espaço ao ar livre e todas as refeições no hotel, nos deixou mais tranquilos e nos sentimos bem seguros. Claro que nada é mais seguro do que ficar em casa e já estamos de volta a nossa quarentena, evitando contato com outras pessoas, principalmente nas duas próximas semanas pós-viagem.

Vale a pena se hospedar no Estribo Hotel Estância?

Minha avaliação final é que valeu cada centavo! Foi um sopro de liberdade no meio da pandemia, e mesmo fora dela teria valido muito também. Não foi um pacote barato, mas considerando que tem todas as refeições incluídas e muitas atividades, o custo-benefício é excelente.

Nós fomos em casal, mas eu recomendo também para famílias, pessoas sozinhas, grupos de amigos, e de todas as idades. Garanto que vocês se sentirão cuidados e ao mesmo tempo livres.

Conheça 6 lugares para conhecer na Serra Gaúcha durante o inverno!

Luana Borges

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.