Paris, pontos turísticos e outras dicas

Paris não está entre as 10 cidades mais visitadas do mundo à toa. A majestosa Cidade Luz da Europa é o destino preferido daqueles que procuram arte, cultura, romantismo e paisagens deslumbrantes na mesma cidade. Paris carrega em sua história títulos como potência política e centro cultural do continente europeu. Hoje em dia, é a cidade mais populosa da França e recebe a maior parte dos 80 milhões de turistas que visitam a país todos os anos. A cidade oferece as melhores opções de passeios e conta com aproximadamente 1.800 monumentos, 170 museus, 145 teatros e centenas de cinemas. E isso só para começar! A vida noturna parisiense não é parecida com nada que você já tenha visto: galerias diversas, livrarias, cafés, bares e tudo isso aliado a uma arquitetura de tirar o fôlego. As opções são relaxar ou agitar.

Pontos turísticos de Paris

Durante o dia, não tenha medo de cair no clichê: vá a Torre Eiffel (I). Veja a cidade do alto! Se delicie nos restaurantes próximos ao monumento, ande pelas largas calçadas da Champs Elysees (H), não deixe de visitar a Catedral de Notre Dame (C) e nem as preciosidades do Louvre (D). Arco do Triunfo (G), Palácio Real (E), Chateau Versailles (J), Galerie Lafayette (F), Igreja de Saint Sulpice (B) e o Palácio de Luxemburgo (A) são apenas algumas opções de passeios.

Chateau Versailles em Paris
Chateau Versailles

Torre Eiffel

Chamada carinhosamente pelos parisienses de Dame de Fer (Dama de Ferro), a Torre Eiffel é um dos pontos turísticos mais encantadores e conhecidos de todo o mundo, sendo um símbolo da França.

Não é à toa que sua arquitetura surpreendente e a chance de ver Paris do alto atrai muita gente: a torre recebe em média 7 milhões de visitantes por ano – e você precisa ser um deles! Você pode agendar uma visita à Torre Eiffel no site do monumento, que ainda possibilita um tour virtual 360º.

Champs Elysees

Pode parecer um pouco de arrogância que os parisienses chamem essa avenida de “La plus belle avenue du monde” (A avenida mais bela do mundo), mas quem já visitou esse ponto turístico da França concorda. Essa avenida faz parte do Eixo Histórico de Paris, uma rota com algumas das principais atrações da cidade, como o Museu do Louvre, o Arco do Triunfo e o castelo de Saint-Germain.

No site da avenida Champs Elysees você encontra muita informação sobre as lojas da avenida, para você já programar suas compras. Outra dica é visitar a Champs Elysees no Réveillon, que é tradicionalmente comemorado nela.

Catedral de Notre Dame

Essa catedral é o ponto zero de Paris. Seu estilo gótico e tamanho imponente fazem dela um dos maiores símbolos não só do catolicismo, mas da arquitetura. Com entrada gratuita, a catedral tira o fôlego pela beleza do estilo gótico e por ter sido palco de grandes eventos históricos, como a coroação de Napoleão e a beatificação de Joana D’Arc.

Na página da Catedral de Notre Dame você encontra muita informação sobre sua história, esculturas e arquitetura – tudo para já chegar afiado na hora de visitar esse monumento pessoalmente.

Museu do Louvre

Um dos museus mais visitados do mundo – chega a receber uma média de 8 milhões de pessoas por ano – o Museu do Louvre (visite o site) foi construído no século 12 como um palácio, e em 1793 foi transformado em um verdadeiro templo da Arte, História e Cultura.

Nele estão obras-primas como o quadro da Mona Lisa, a estátua da Vênus de Milo, uma extensa e rica coleção de artefatos egípcios e muitas outras atrações. Visitar o Louvre é parada obrigatória para quem ama um ótimo programa cultural.

Arco do Triunfo

O segundo ponto turístico mais conhecido, perdendo apenas para a Torre Eiffel, o Arco do Triunfo (visite o site) teve sua construção ordenada por Napoleão, como símbolo das conquistas de seu império. Ele é um dos monumentos mais imponentes do mundo, com 50 metros de altura, 45 metros de largura e 22 metros de profundidade, e ainda traz na sua base outro monumento: o Túmulo do soldado desconhecido. O Arco do Triunfo é mais uma parada obrigatória para quem visita Paris.

Palácio Real

Apesar do nome, o Palácio Real (visite o site) nunca foi a casa do Rei da França. O que não quer dizer que ele não seja um ponto turístico maravilhoso; pelo contrário.

O palácio possui uma arquitetura muito bonita e rica em detalhes, com várias colunas e tamanho imponente. O palácio ainda conta com um jardim e um pátio com grandes obras de arte. Atualmente, é no Palácio Real que ficam a Biblioteca Nacional, o Ministério da Cultura e o Tribunal Constitucional.

Chateau Versailles

Não é à toa que o Chateau Versailles (Palácio de Versalhes) (visite o site) é um patrimônio da Unesco. O palácio era a antiga moradia dos imperadores da França, no qual viveram grandes figuras históricas como os reis Luís XV e Luís XVI, e a imperatriz Maria Antonieta. Em 1837 o palácio foi transformado em um museu. Porém, o Palácio de Versalhes é muito mais do que isso: nele está um jardim tão grande quanto belo, além de vários monumentos.

Galerie Lafayette

Porque algumas comprinhas não poderiam ficar de fora dessa viagem inesquecível, né? A Galerie Lafayette é a maior loja de departamentos de Paris – o que não é pouca coisa se tratando de uma das capitais mundiais da moda. Na Galeria você encontra várias produtos (de roupas a móveis) e marcas como Chanel, Dior e Prada.

Igreja de Saint Sulpice

Esse edifício é a segunda maior igreja de Paris, e também agrada por sua arquitetura grandiosa, interior cheio de estátuas e com o sistema de determinação astronômica famoso por aparecer na obra “O Código DaVinci”. A Igreja de Saint Sulpice (visite o site) ainda tem outra atração: o Gnômon de São Sulpício, uma coluna que marca a hora do dia através da projeção de sua sombra no chão.

Palácio de Luxemburgo

Mais um palácio – afinal, Paris é o berço da democracia moderna, mas antes disso era um grande império. O Palácio de Luxemburgo (visite o site) foi construído pela mãe do rei Luís XIII, que depois se instalou no palácio; atualmente, ele é a sede do Senado da França.. Nele fica o famoso Jardim de Luxemburgo, com 25 hectares de belas flores, estátuas e fontes. Um local muito bonito e delicado, que merece ser visitado por quem vai à Paris – especialmente na primavera, quando o jardim é ainda mais belo.

Culinária Francesa

Após visitar todos esses lugares imperdíveis, abuse da culinária francesa – famosa e tradicional nos quatro cantos do mundo. Existem diversos restaurantes espalhados por Paris que servem o melhor da comida típica francesa.

Coq Au Vin

No almoço, prove o Coq Au Vin, um delicioso prato feito com carne de galinha cozida com bacon, vinho tinto e outros temperos. Ou então o famosíssimo Ratatouille, que leva uma série de vegetais em sua composição, comendo em seguida um original Mil Folhas, bolo em camadas de origem francesa também conhecido no Brasil

Ratatouille

À noite, as luzes ao redor da cidade são um espetáculo à parte: a Torre Eiffel iluminada recebe milhares de pessoas. Há também passeios coletivos que agradam muitos turistas em Paris. O Bateau Mouche é uma opção barata e proporciona a oportunidade de conhecer muito da cidade de uma só vez. Além de, claro, trocar experiências e conhecer o interessantíssimo povo francês!

Uma dica para aproveitar ao máximo sua viagem é se organizar e contratar uma empresa como a Passeio em Paris, que poderá guiá-lo entre o melhor da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *